LEÕES

Há quem certamente se lembre de uma história insólita, passada por volta de 1970, que foi amplamente noticiada na televisão da altura: fora avistado um leão nos campos de Rio Maior. Um leão verdadeiro, à solta. Acontece que era mesmo verdade. Terá fugido de um circo que tinha estado na região, terá sido ajudado por alguém, ainda cria, e andava já crescido a atacar o gado pelas zonas rurais de Rio Maior, qual savana de África.
Com esta história, a pastelaria Alcides viu a oportunidade de lançar um pastelinho para matar a nossa fome de leão: açúcar, doce de ovos, amêndoa e canela. Está feito o pastel, o leão de Rio Maior.

***

Some people still remember a bizarre story that happened around 1970. It was amply reported on tv, at the time. The story was that a lion had been sighted in the pastures of Rio Maior. A real lion on the loose. It turns out, it was actually true. The lion must have escaped a passing circus and must have been helped as a cub. But then, having grown up, it was attacking cattle in the rural areas of Rio Maior, as if it was in the African savannah.
Because of this story, the pastry shop Alcides saw the opportunity of launching a tartlet. Sugar, egg custard cream, almonds, and cinnamon, and there you have a sweet, the lion of Rio Maior. 

PUBLICIDADE

2019-01-07T13:35:31+00:007 Janeiro, 2019|Categories: Rio Maior|Tags: , |