PASTÉIS SÃO JULIÃO

Pastel de ginja, pastel de moscatel, pastel Santiago, pastel Caramelo, pastel de laranja de Setúbal e queijada do anjo dão uma boa amostra da incansável actividade pasteleira de Nuno Gil, na Confeitaria S. Julião, em Palmela.
Sempre presente nas suas criações está a alusão à região, quer pelo uso de ingredientes locais, como o moscatel e a laranja, quer pelo nome que lhes dá. Daí o pastel Santiago, por exemplo, que recorda o facto histórico de que a Ordem de Santiago se instalou no castelo de Palmela durante a Reconquista. E como se vê pela imagem gráfica das embalagens, a dedicação de Nuno Gil a todos estes doces leva-o a cuidar do detalhe. Isso obriga-nos a apreciar os pastéis um a um, provando todos.
···
Sour cherry tartlet, muscatel tartlet, Santiago tartlet, “Caramelo” tartlet, tartlet with Setúbal oranges and a cheese tartlet called “queijada do anjo” are all good samples of tireless efforts Nuno Gil exercises in pastry, at Confeitaria S. Julião, Palmela. His creations are always making reference to the region, either because of the local ingredients he uses, like muscatel wine and oranges, or because of the name he gives them. An example of the latter case is the Santiago tartlet, which recalls the historical fact that the Order of Santiago took residence in the castle of Palmela during the Christian Reconquista. And, as one notices in the graphic design of the packages, Nuno Gil’s dedication to all these sweets shows in every detail. This makes us want to taste each and every tartlet one by one.

PUBLICIDADE